5ª Feira da Ascensão

5ª Feira da Ascensão
5ª Feira da Espiga, em Portugal
...

sábado, 31 de agosto de 2013

CML inaugura elevador que liga Baixa ao Castelo de São Jorge | Negócios | Dinheiro Digital

CML inaugura elevador que liga Baixa ao Castelo de São Jorge

Abre ao público no sábado (31 de Agosto) o novo elevador da Rua dos Fanqueiros que torna mais fácil e cómodo o percurso pedonal de subida da Baixa à colina do Castelo de São Jorge.

O novo elevador localizado na Rua dos Fanqueiros 170/ 178 e que também tem entrada pela Rua da Madalena, 147/155, será inaugurado no sábado, às 17:30, com a presença do Presidente da Câmara Municipal de Lisboa, António Costa.

Este projecto devolveu-se em três componentes: a Remodelação do Edifício onde funciona o novo elevador (da autoria do arquitecto João Pedro Falcão de Campos), localizado na Rua dos Fanqueiros 170/178 r/c com saída/entrada para a Rua da Madalena, 147/155.
No interior do edifício foi instalado um elevador que permite agora fazer a ligação entre a cota da Rua dos Fanqueiros e a da Rua da Madalena/ Largo Adelino Amaro da Costa. Entretanto, já tinha sido concluída em 2011, a outra componente, a obra de Requalificação do Antigo Mercado do Chão do Loureiro – na qual se integrou um elevador panorâmico, o que permitiu estruturar a transição entre a cota do Largo Adelino Amaro da Costa e o patamar superior ao nível da Costa do Castelo.

Saiba mais em:
CML inaugura elevador que liga Baixa ao Castelo de São Jorge | Negócios | Dinheiro Digital

sexta-feira, 30 de agosto de 2013

Campanha pede um euro para os bombeiros portugueses - Portugal - DN



"SÁBADO DIA 31 DE AGOSTO..vamos todos à corporação de BOMBEIROS na nossa área de residência e todos deixamos 1€.
Para que eles comprem carros-tanque,mangueiras,material de protecção ou de comunicação ou o que faça falta.
Vamos ajudar nós aqueles que têm  lema a seguinte frase..
NÃO SABEMOS SE VOLTAMOS..MAS VAMOS SEMPRE"


Este é o texto de uma campanha lançada hoje para apoiar as corporações de bombeiros que tanto têm trabalhado nos últimos dias!
Podemos ajudar desta forma ou escolher outra,
Torne-se sócio da corporação de bombeiros da sua região, por exemplo.
O valor das quotas costuma ser baixo e é uma excelente forma de mostrar a nossa gratidão. 
Informe-se!
Colabore!

Saiba mais sobre esta campanha:
https://www.facebook.com/events/635674336466802/?hc_location=stream
Campanha pede um euro para os bombeiros portugueses - Portugal - DN

quinta-feira, 29 de agosto de 2013

Possa cada Cristão ser um Farol!


Leitura da Primeira Epístola do apóstolo São Paulo aos Tessalonicenses

A vossa fé, irmãos, foi para nós um motivo de conforto no meio de todas as nossas angústias e tribulações. Agora sentimo-nos reviver, porque estais firmes no Senhor. Como poderemos agradecer a Deus por vós, por toda a alegria que nos destes diante do nosso Deus? Noite e dia Lhe dirigimos as mais instantes súplicas, para que nos permita tornar a ver- vos e completar o que ainda falta à vossa fé. Deus, nosso Pai, e Jesus, nosso Senhor, dirijam o nosso caminho para junto de vós. O Senhor vos faça crescer e abundar na caridade uns para com os outros e para com todos, assim como nós a temos tido para convosco. O Senhor confirme os vossos corações numa santidade irrepreensível, diante de Deus, nosso Pai, no dia da vinda de Jesus, nosso Senhor, com todos os seus santos.

Palavra do Senhor.

sexta-feira, 23 de agosto de 2013

Em memória de Ana Rita

Oração do Bombeiro

Senhor,
toma-me, por instrumento
de tua misericórdia.
Faz tuas as minhas mãos e orienta meus passos para que eu possa levar, no momento preciso, o ansiado salvamento a quantos estejam em perigo.
Multiplica,
como fizeste aos pães e aos peixes, o meu vigor físico e a minha agilidade para que eu nunca esmoreça ante os maiores obstáculos e para que eu possa vencê-los sempre que disso dependa a missão de salvar os que clamam por socorro.
Faz-me forte
para resgatar da morte os que a ela se entregaram e abençoa minha boca para que eu possa soprar no peito do moribundos o alento vital que lhes foge.
Faz-me paciente,
perseverante, inteligente, abnegado e ensina-me a amar o próximo mais ainda do que a mim mesmo para que eu nunca falhe no cumprimento de meus deveres de bombeiro.
Dá-me, sobretudo, Senhor,
total desprendimento, para que jamais eu hesite no acto de salvar
e, se necessário, sacrifique a minha própria  vida pela do meu semelhante.
Amém.

in

quinta-feira, 22 de agosto de 2013

Encontrei na internet... e no nosso In Via 81!


Semear…
Quem planta sementes colhe alimento.
Quem planta flores colhe perfume.
Quem semeia trigo colhe pão.
Quem planta amor colhe amizade.
Quem semeia alegria colhe felicidade.
Quem semeia a fé colhe a certeza.
Quem semeia carinho colhe gratidão.
Quem semeia a verdade colhe a confiança.
Quem planta a vida colhe milagres!
No entanto,
há quem prefira semear tristeza e colher amargura;
plantar discórdia e colher solidão;
semear vento e colher tempestade;
plantar ira e colher inimizade;
plantar injustiça e colher abandono...
Somos semeadores conscientes no campo da vida,
pois, diariamente ,espalhamos milhões de sementes ao nosso redor.

Saibamos escolher sempre as melhores, para que, ao recebermos

a dádiva da colheita farta, tenhamos apenas motivos para agradecer...

quarta-feira, 21 de agosto de 2013

Rezemos pela Paz no Egipto

Papa Francisco: Não parar de rezar pelo Egipto. Cardeal Sandri: é necessário o diálogo; inaceitáveis os ataques aos cristãos




O Papa Francisco convida a não pararem as orações pela paz no Egipto. Um apelo ouvido por tantos fieis em todo o mundo que querem participar, assim, do sofrimento da minoria cristã naquele país, rezando por aquelas populações que continuamente são ameaçadas pelos ataques de islamistas. O Cardeal Leonardo Sandri, Prefeito da Congregação para as Igrejas Orientais falou à Rádio Vaticano:

Card. Sandri: Queremos que exista verdadeiramente uma possível solução desta situação terrível no Egipto através do diálogo e da reconciliação. A isto juntamos a nossa oração para com os nossos irmãos cristãos. Eu gostaria de saudar Sua Santidade Tawadros II e também ao Patriarca Naguib, o Patriarca Católico Emérito e também a Sua Beatitude Sidrak, Patriarca Católico. Estamos com eles em oração, com as nossas lágrimas espirituais devido ao sofrimento do povo egípcio.

...todas as destruições de igrejas que sofreram os cristãos são inaceitáveis, sobretudo porque em particular os católicos são uma minoria. O renascimento do país deve acontecer no respeito pela pessoa humana, no respeito recíproco de todas as religiões, no respeito pela liberdade religiosa. Nós pensamos que nunca a fé ou uma religião possa dar razões para uma guerra ou para o uso da violência. Devemos pensar que o Mandamento de Deus de amarmo-nos uns aos outros, é valido para todos, seja para muçulmanos seja para cristãos.


in Rádio Vaticano
http://pt.radiovaticana.va/news/2013/08/20/papa_francisco:_n%C3%A3o_parar_de_rezar_pelo_egipto._cardeal_sandri:_%C3%A9/por-721188

quarta-feira, 14 de agosto de 2013

Arco da Rua Augusta

Até dia 18 de Agosto é obrigatório passar pelo Terreiro do Paço. A alegria da abertura do Arco a todos os turistas e a todos os que amam esta cidade, estende-se a uma projecção imperdível.


Todos os dias, às 21h30, 22h30 e 23h o espectáculo multimédia de video mapping ‘Arco Luz’ e projecta em 3D, a história do Arco da Rua Augusta, com quase 250 anos, na fachada do monumento.

sábado, 10 de agosto de 2013

O Tomateiro

Plant de tomates

Lot Description

Pablo Picasso (1881-1973)
Plant de tomates
signed 'Picasso' (lower right); dated '10 Août 44' (on the reverse)
oil on canvas
36¼ x 28¾ in. (92 x 73 cm.)
Painted 10 August 1944 

quarta-feira, 7 de agosto de 2013

Metropolitano de Lisboa

O primeiro projeto de um sistema de caminhos-de-ferro subterrâneo para Lisboa data de 1888, é da autoria do engenheiro militar Henrique de Lima e Cunha. Publicado na revista “Obras Públicas e Minas”, previa já um sistema completo de linhas, formando uma rede. Mais tarde, nos anos 20 do século XX, dão entrada na Câmara Municipal de Lisboa dois projetos, respetivamente, de Lanoel d’Aussenac e Abel Coelho (1923) e de José Manteca Roger e Juan Luque Argenti (1924), que não tiveram seguimento.
Somente a partir da 2ª Guerra Mundial com a retoma da economia e no seguimento das políticas de eletrificação e aproveitamento dos fundos do Plano Marshall, surge com plena vitalidade a decisão de se construir um metropolitano para Lisboa. A sociedade é constituída a 26 de janeiro de 1948 e tinha como objetivo o estudo técnico e económico, em regime de exclusivo, de um sistema de transportes coletivos fundado no aproveitamento do subsolo da cidade. A concessão para a instalação e exploração do respetivo Serviço Público veio a ser outorgada em 1 de julho de 1949.
Os trabalhos de construção iniciaram-se em 7 de agosto de 1955 e, quatro anos depois, em 29 de dezembro de 1959, o novo sistema de transporte foi inaugurado. A rede aberta ao público consistia numa linha em Y constituída por dois troços distintos, Sete Rios (atualmente, Jardim Zoológico) – Rotunda (atualmente, Marquês de Pombal) e Entre Campos – Rotunda (Marquês de Pombal), confluindo num troço comum, Rotunda (Marquês de Pombal) – Restauradores.

Hoje Lisboa conta com quatro linhas autónomas, com cerca de 43,2 km de comprimento e 55 estações. As estações antigas estarão todas remodeladas. Trata-se de uma rede pensada de uma forma global e intermodal de forma a serem otimizados todos os recursos da cidade em termos de transportes.
O Metropolitano de Lisboa constituirá assim a verdadeira espinha dorsal dos transportes urbanos de Lisboa.

terça-feira, 6 de agosto de 2013

Lembrar, para que a história não se repita...

A primeira bomba atómica foi lançada há 68 anos.
"Little Boy" foi lançada pelos Estados Unidos e provocou a morte imediata de 80.000 pessoas.


"Não podemos deixar esquecer a tragédia", afirmou, em 2012, durante a cerimónia evocativa do ataque devastador o, então, primeiro-ministro nipónico, Yoshihiko Noda, que insistiu que o Japão, único país que sofreu um ataque atómico, deve liderar o debate internacional sobre a não proliferação e desarmamento nuclear. 

Estima-se que a bomba "Little Boy", lançada pelos Estados Unidos, acabou de forma imediata com a vida de 80.000 pessoas. No final de 1945, calcula-se que o número de vítimas mortais tenha subido para 140.000, além das vítimas de radiação registadas nos anos seguintes. 


segunda-feira, 5 de agosto de 2013

Abbé Pierre




Lutou durante toda a sua vida. Em primeiro lugar contra o ocupante nazi; depois contra a miséria e as injustiças.
Nasceu a 5 de agosto de 1912, em Lyon, tendo sido chamado Henri Grouès. Foi o quinto de oito irmãos. Entrou nos Capuchinhos aos 19 anos, depois de ter renunciado à sua parte do património familiar e de ter distribuído tudo o que possuía por obras de caridade. 
Acolhe na sua residência, uma casa deteriorada que restaura em Neully-Plaisance, arredores de Paris, um homem que queria pôr termo à sua vida, de seu nome Georges: «Antes de te matares, vem ajudar-me».
A residência torna-se um albergue de juventude internacional batizado “Emaús”. Começa aqui o combate conta a exclusão, a partir de uma ideia simples mas que ao tempo era inovadora: a revenda de objetos recuperados.
As primeiras comunidades de Emaús nascem segundo o princípio «dá-me a tua ajuda para ajudar os outros». Congregam deserdados que, pelo seu trabalho de recuperação, se colocam ao serviço de mais deserdados.
«Emaús tornou-se uma recuperação de homens a propósito da recuperação de coisas», definiu o abbé Pierre. O movimento de Emaús tornou-se uma multinacional de entreajuda com múltiplas vertentes, tendo como base o alojamento e o auxílio aos marginalizados – sem-abrigo, toxicodependentes, alcoólicos, ex-reclusos.
No início dos anos 80 a comunidade de Emaús organiza a distribuição noturna de alimento; em 1984 funda, com outras instituições, o Banco Alimentar. Nesse tempo, em que o desemprego crescia, reforça-se a ação em favor dos sem-abrigo.
Nunca deixou de estar ao lado dos sem-abrigo e dos indocumentados, combatendo o «mal da indiferença». É, por isso, uma das figuras mais queridas dos franceses, tendo sido várias vezes condecorado pelo Estado.


Saiba mais em
Abbé Pierre nasceu há 100 anos | Secretariado Nacional da Pastoral da Cultura

sábado, 3 de agosto de 2013

XVIII Domingo TC


Leitura da Epístola do apóstolo São Paulo aos Colossenses

"Irmãos: Se ressuscitastes com Cristo, aspirai às coisas do alto, onde Cristo está sentado à direita de Deus. Afeiçoai-vos às coisas do alto e não às da terra. Porque vós morrestes e a vossa vida está escondida com Cristo em Deus. Quando Cristo, que é a vossa vida, Se manifestar, também vós vos manifestareis com Ele na glória. Portanto, fazei morrer o que em vós é terreno: imoralidade, impureza, paixões, maus desejos e avareza, que é uma idolatria. Não mintais uns aos outros, vós que vos despojastes do homem velho com as suas acções e vos revestistes do homem novo, que, para alcançar a verdadeira ciência, se vai renovando à imagem do seu Criador. Aí não há grego ou judeu, circunciso ou incircunciso, bárbaro ou cita, escravo ou livre; o que há é Cristo, que é tudo e está em todos."

Palavra do Senhor.

quinta-feira, 1 de agosto de 2013

Agosto



Agosto, do latim augustus, é o oitavo mês do calendário gregoriano. É assim chamado por decreto em honra do imperador César Augusto. Este não queria ficar atrás de Júlio César, em honra de quem foi baptizado o mês de julho, e, portanto, quis que o "seu" mês também tivesse 31 dias. Antes dessa mudança, agosto era denominado Sextilis ou Sextil, visto que era o sexto mês no calendário de Rômulo (calendário romano).