.

.
ESTIVEMOS CÁ TODO O VERÃO, E ESTAMOS NO OUTONO E NO INVERNO!
...

quinta-feira, 30 de março de 2017

Via- Sacra na Universidade

Os Núcleos de Estudantes Católicos de Lisboa estão a preparar já no dia 30 de Março uma Via Sacra para todos os universitários que se irá realizar no miradouro de São Pedro de Alcântara.
Contamos com todos para esta preparação do tempo Pascal!

Foto de Francisco Condado.

quinta-feira, 16 de março de 2017

Fátima 2017: Hino para a visita do Papa



A visita do Papa Francisco tem também um hino próprio, com o objectivo de ser um traço unificador nos apelos à presença dos peregrinos em Fátima.
O título é “Deus em mim”, com letra do Pe. José Tolentino Mendonça e música de João Gil.
A interpretação é do grupo Vocal Emotion.

Letra 

Deus em mim
Somos apenas um traço cinzento
Estes passos levados /pelo vento
Ou haverá quem sabe / uma razão
Mais além deste muro / um clarão
Deus em mim
Deus em mim
Com Maria, onde quer que vás
Sê peregrino da esperança e da paz
Com Maria, tu sabes que estás
No caminho da esperança e da paz
Sei que Maria nos abre caminhos
a certeza de / não estarmos sozinhos
Quando pesava a noite sem fim
seu olhar / acendeu Deus em mim
Deus em mim
Deus em mim
Com Maria, onde quer que vás
Sê peregrino da esperança e da paz
Com Maria, tu sabes que estás
No caminho da esperança e da paz
Deus em mim
Deus em mim
Haverá nos céus / um segredo
Um amor que nos cure do medo?
A Sua luz te acompanha e sustém
Mesmo se não vês o seu brilho vem

Preparar a Quaresma

Foto de Patriarcado de Lisboa.

sexta-feira, 10 de março de 2017

Centenário das Aparições de Fátima

Os CTT vão assinalar o Centenário das aparições de Fátima com três peças filatélicas, a apresentar no próximo dia 13, dois meses antes das celebrações que evocam a primeira aparição na Cova da Iria.
A emissão Centenário das Aparições de Fátima, a emissão Visita de Sua Santidade, Papa Francisco e o livro ‘Fátima 100 Anos’, editado pelos CTT e da autoria de Paulo Mendes Pinto, evocam “um dos fenómenos religiosos mais importantes do mundo”.

quarta-feira, 8 de março de 2017

Dia Internacional da mulher

  “As primeiras testemunhas da Ressurreição são as mulheres. E isto é bonito. Esta é um pouco a missão das mulheres: mães e mulheres! Dar testemunho aos filhos e aos pequenos netos, de que Jesus está vivo, é o Vivente, ressuscitou. Mães e mulheres, ide em frente com este testemunho! Para Deus o que conta é o coração, quanto estamos abertos a Ele, se somos filhos que confiam. Isto leva-nos a meditar inclusive sobre o modo como as mulheres, na Igreja e no caminho de fé, tiveram e ainda hoje desempenham um papel especial na abertura das portas ao Senhor, no seu seguimento e na comunicação do seu Rosto, pois o olhar de fé tem sempre necessidade do olhar simples e profundo do amor”.
Papa Francisco
3 de Março de 2013, Praça de São Pedro, no Vaticano
Audiência Geral

segunda-feira, 6 de março de 2017

Dez Anos



Passaram dez anos desde o referendo que conduziu à liberalização do aborto em Portugal.
(...)
Também não devemos pensar que se trata de uma causa perdida e encerrada. Ela exige, sim, mais do que um combate no plano político e legislativo, exige uma mudança cultural que, na perspetiva cristã, passa por uma “nova evangelização”. Até que vejamos no nascituro o “mais pobre os pobres” de que falava Teresa de Calcutá, ou “o mais pequeno dos meus irmãos” de que fala o Evangelho. Cuja vida merece todo o nosso cuidado e o nosso empenho, apesar da sua extrema vulnerabilidade, que chega ao ponto de nem sequer ter a capacidade de nos comover com a imagem do seu sofrimento.
PEDRO VAZ PATTO