«O fruto da justiça é semeado em paz por aqueles que praticam a paz»

«O fruto da justiça é semeado em paz por aqueles que praticam a paz»
Carta de Tiago 3,18

quinta-feira, 21 de novembro de 2013

Vaticano pede mais apoio para quem sofre de doenças neurodegenerativas

O Vaticano está a promover uma conferência internacional dedicada a quem sofre de doenças neurodegenerativas e apelou hoje a um maior apoio para estas pessoas, recusando o recurso à eutanásia.

"Hoje, durante a Santa Missa, rezamos e gritamos verdadeiramente ao mundo 'não à eutanásia', porque é uma vergonha do nosso tempo", disse o arcebispo Zygmunt Zimowski, presidente do Conselho Pontifício para a Pastoral noCampo da Saúde.

Este responsável falava na abertura da 28ª conferência internacional do organismo da Santa Sé, que decorre até sábado, dedicada ao tema ‘A Igreja ao serviço da pessoa idosa doente: o cuidado das pessoas afetadas por patologias neurodegenerativas’.

“As transformações da sociedade, na segunda parte do último século, em particular nos países mais ricos - com o envelhecimento das populações, a redução do papel de apoio social assegurado pelas famílias, e a frequente marginalização das pessoas idosas -, levaram a que o destino das pessoas idosas doentes tenha piorado, paradoxalmente, aumentando a tentação do recurso à eutanásia", alertou.

Cidade do Vaticano, 21 nov 2013 (Ecclesia)